• maebilingue

QUEM ENSINA ÀS CRIANÇAS UMA NOVA LÍNGUA?

Essa semana eu estava na minha turma de bilinguismo na universidade falando sobre alguns mitos relacionados ao bilinguismo e aprendizagem de uma língua adicional.


Um dos mais comuns é a ideia de que aprender mais cedo é muito melhor. No entanto, não é tão simples assim. Já falei um pouco sobre vantagens de aprender uma língua quando se é criança, mas é preciso levar em consideração uma outra questão bem importante:


QUEM está ensinando essas crianças???





Os cursos de Letras não formam professores para atuar na educação infantil ou séries iniciais e os cursos de pedagogia não formam professores para ensinar uma língua adicional. E aí, quem forma esses profissionais?



Lucas bem pequeno e já pensando nisso! e esse cabelo, hein?

Alguns professores de língua podem até ter magistério (o que ajuda muito com aquilo que os cursos de letras não focam), mas muitos não tem nada além do conhecimento de língua (quando tem).


Temos professoras que quase não sabem inglês, mas que estão ensinando simplesmente porque são mulheres, jovens e queridinhas.


Temos professores atuando com crianças porque recém foram contratados, não tem muita experiência, então é melhor dar aula para crianças e para níveis básicos (outro problemão e grande equívoco, mas ok).


Temos professores dando aula para crianças porque são alocados em turmas de crianças pelos seus coordenadores embora não saibam o que fazer e muitas vezes nem gostem de dar aulas para crianças (nem preciso ressaltar o perigo que é essa situação, certo?).



Temos professores e escolas trabalhando com livros que exigem da criança muito mais do que ela pode naquela fase de desenvolvimento.


Desenvolvimento infantil é algo que poucos sabem, estudam ou até mesmo consideram quando planejam aula para os pequenos. O foco é nos tópicos a serem ensinados, quais palavras, quais músicas, quais histórias.


É impressionante o crescimento do número de escolas no Brasil que oferecem ensino para crianças pequenas (seja escolas particulares, escolas de educação infantil ou escolas de idiomas). O número de escolas com currículos, projetos, ou ensino bilíngue também tem crescido muito.


E aí, quem está formando esses professores? Como que o MEC está vendo essas questões?


Exigir que o professor tenha dupla titulação/graduação (Letras e Pedagogia) chega ser um absurdo quando vemos que a entrada nas universidades para os cursos de Letras tem cada vez sido menor. Com poucas bolsas e propostas de incentivo à graduação, os alunos têm tido dificuldade em se formar em uma, quem dirá em duas graduações.


No entanto, precisamos formar esses professores. Cursos extras, cursos de pós-graduação e cursos online podem sim ajudar muito. Formações pedagógicas dentro das próprias escolas também são muito importantes. Esse semestre eu tenho uma turma com mais de 30 alunos de Letras interessados nesse assunto, cursando uma disciplina chamada Seminário Avançado- Teaching English to Kids. A coordenadora tem ofertado essa disciplina a cada dois anos, sendo essa a terceira turma que acontece. Os alunos estão pedindo muito por essa formação.


Blogs, vídeos, trocas de conhecimento ajudam muito. Se você é professor de uma língua adicional para criança, não atue sozinho, busque uma rede de apoio, alguém com quem trocar ideias, planejamentos, medos e angústias.


Quando eu comecei a dar aulas para a minha primeira aluna (aos 19 anos) eu era estudante de psicologia e a escola de idiomas não me preparou nem um pouco para o desafio. Comecei no escuro e com a ajuda da minha colega Siça que na época era estudante de direito e tinha um aluno pequeno também. A nossa parceira rendeu um workshop que criamos e apresentamos em SP (história para um outro post).



Relíquia do nosso material que criamos para professores

O que eu quero dizer é que dá sim para apostar em professores novos, pouco experientes, mas que tenham muita boa vontade de aprender.


Ninguém se torna professor por ganhar um diploma. A gente vai se tornando professor sendo professor. Aos poucos, com muito estudo e com muito apoio.


Profes, contem comigo.


Famílias, se tiverem dúvidas, contem comigo também.


Kisses,

Aline Jaeger

@maebilingue


#teaching #ensinodelinguaparacriancas #teachingenglishtokids #englishtokids #formacao #letras

59 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
 

©2019 by Aline Jaeger. Proudly created with Wix.com